Luanna Bringel
Zé Leandro critica fechamento de escolas na zona rural de Vitorino Freire
Cotidiano

Apenas em 2020, gestão Luanna Bringel já recebeu R$ 7,2 milhões para a educação do município

O ex-prefeito e possível postulante ao comando do município de Vitorino Freire, José Leandro Maciel (PSD), criticou em uma rede social a gestão Luanna Bringel (DEM) por, segundo ele, fechamento de escolas na zona rural.

De acordo com Zé Leandro, das 96 escolas construídas para atender aos alunos dos povoados, apenas 62 estão funcionando.

Na publicação, ele apresenta documentos do Portal da Transparência do governo federal que mostram que, até este mês, mais de R$ 20,7 milhões já foram transferidos para as contas do município.

“É uma quantia bem expressiva. Difícil compreender como a moça que administra Vitorino Freire ainda não conseguiu abrir as escolas da zona rural, fechadas desde o início da gestão, e nem conseguiu recuperar as estradas. Isso sem contar com a arrecadação municipal e os repasses feitos pelo Estado”, lamentou.

Apenas em 2020, ainda segundo mostra o Portal da Transparência, o município já recebeu R$ 7,2 milhões em recursos federais para educação, por meio de programas do MEC (Ministério da Educação).

Segundo Zé Leandro, sua gestão à frente da Prefeitura de Vitorino Freire deixou 96 escolas funcionando integralmente, com seis mil carteiras novas, livros escolares novos, quadras esportivas e pôs fim ao pau de arara como transporte escolar.