Roberto Rocha diz que, se disputar 2022, será à reeleição ou ao governo do MA
Política

Roberto Rocha diz que, se disputar 2022, será à reeleição ou ao governo do MA

Senador pretende se dedicar mais à família

O senador Roberto Rocha (PSDB-MA) colocou dúvida nesta terça-feira (10) sobre a própria participação na disputa eleitoral de 2022, quando estará em jogo o próprio assento no Senado Federal e a sucessão do governador Flávio Dino (PSB) ao Palácio dos Leões.

“Se disputar, será à reeleição ou ao governo do Estado”, respondeu ao ATUAL7, ao ser questionado sobre qual cargo pretende concorrer na eleição do próximo ano.

Sobre a incerteza, expôs que passou a concentrar foco maior na dedicação à família.

“Após esses três anos de luta para salvar meu filho [Paulo Rocha, mais conhecido como Paulinho, curado de um câncer no rim], descobri o melhor da vida: VIVER COM A FAMÍLIA, coisa que fiz muito pouco. Não sou apegado a cargos e nunca tive projeto de poder, portanto daqui pra frente estou de bem com a vida, vivendo assim”, disse, enviando em seguida sequência de fotos em que aparece em momentos de descontração com familiares.

“Para mim, atualmente, isso é o que mais importa”, asseverou.

Caso confirmada a saída da vida pública, Roberto Rocha tende a ser substituído pelo filho, o ex-vereador de São Luís Roberto Rocha Júnior. Segundo o senador, porém, não por influência dele.

“Já disse a ele que por mim ele não seria candidato, mas não ouvi meu pai, então tenho minhas limitações”, garante.



Comente esta reportagem