Codevasf
Roberto Rocha faz apelo a Dino: “não atrapalhe os senadores e a Codevasf”
Política

Palácio dos Leões iniciou uma série de ataques contra os parlamentes e o órgão por não ser o intermediário de todos os R$ 160 milhões em emendas da bancada

O senador Roberto Rocha (PSDB) fez um apelo ao governador Flávio Dino (PCdoB), para que pare com as polêmicas eleitoreiras em torno das emendas da bancada federal maranhense.

Por meio das redes sociais, o tucano pediu ao comunista que deixe de atrapalhar os senadores maranhenses e a Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf).

“Faço um apelo ao Gov. Flávio Dino. Já que não fez nada por esse povo que tanto precisa do governo, não atrapalhe os senadores e a CODEVASF”, pediu o senador.

Desde a última quinta-feira 19, Rocha e os senadores Edison Lobão e João Alberto Souza, ambos do PMDB, e agora até a Codevasf, vêm sendo fortemente atacados pelo Palácio dos Leões.

O ataque ocorre porque Flávio Dino queria que todos os R$ 160 milhões em emendas impositivas da bancada, e não apenas R$ 70 milhões, fossem destinadas aos municípios, em pleno ano eleitoral de 2018, exclusivamente por meio do Executivo estadual.

Embora sabedor de que a verba não precisa passar por ele para chegar à população maranhense, e de ter vetado mais de R$ 12 milhões em emendas de deputados estaduais da oposição para o setor da saúde, Dino chegou a insinuar que os senadores estariam tentando barrar a destinação do dinheiro como forma de boicotá-lo.

Diques da Baixada

Antes de fazer o apelo para que o governador encerre os ataques, o senador Roberto Rocha lamentou o fato de alguns deputados também criticarem o montante maior das emendas, o total de R$ 90 milhões, serem destinados aos municípios maranhenses por meio da Codevasf.

“Eu não compreendo como o governador Flávio Dino e alguns deputados podem ser contra a CODEVASF executar as obras dos DIQUES DA BAIXADA. Não existe obra sem projeto. Minha emenda de senador deste ano foi para o projeto dos DIQUES DA BAIXADA, região mais pobre do MA e do BR”, ressaltou.

Aprovado projeto de Roberto Rocha que amplia atuação da Codevasf
Política

Senador tem destinado emendas para garantir o trabalho da companhia no Maranhão desde o seu mandato como deputado federal

A Comissão de Finanças e Tributação da Câmara dos Deputados aprovou, nesta quarta-feira, projeto de autoria do senador Roberto Rocha (PSB-MA) que trata da ampliação da área de atuação da Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf) para todo o Maranhão.

Na ocasião, o deputado federal Hildo Rocha (PMDB-MA), relator da matéria, mencionou o empenho do socialista em prol do trabalho da companhia, no sentido de garantir inúmeros benefícios para os municípios maranhenses.

O parlamentar tem destinado emendas para garantir o trabalho da Codevasf no Maranhão desde o seu mandato como deputado federal.

As emendas parlamentares constituem uma importante fonte de financiamento das ações da Codevasf, o que reforça a necessidade da alocação desses recursos de forma a possibilitar que sua destinação coincida com os programas e projetos da Companhia, complementando os recursos alocados.

Somente em 2016, os recursos do Orçamento Geral da União destinados por emendas parlamentares para garantir as ações executadas pela 8ª Superintendência Regional da Codevasf em regiões do Maranhão, castigadas pelas estiagens, somam mais de R$ 42 milhões.

O projeto agora segue para a Comissão de Cidadania e Justiça (CCJ) para pequenos ajustes.

Fábio Braga destaca seminário e parceria da Codevasf no Maranhão
Política

Evento ocorreu nesta segunda-feira 13, na sede do Poder Legislativo estadual

O deputado estadual Fábio Braga (SD) destacou, em discurso na Assembleia Legislativa do Maranhão, o seminário promovido pela Superintendência Regional da Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf).

O evento ocorreu na segunda feira 13, no auditório Neiva Moreira, localizado na Casa, e contou com a participação da presidente nacional do órgão, Kênia Marcelino; do superintendente no Maranhão, Jones Braga; de deputados estaduais e federais; do senador Roberto Rocha (PSB-MA); e de diversos técnicos e prefeitos maranhenses.

Em consonância com a fala da presidente nacional Codevasf, Braga lembrou sobre “a importância do empenho das bancadas de deputados estadual e federal, no sentido de que os recursos administrados pelo órgão cheguem às cidades do Maranhão”. Ele afirmou que estes recursos “melhoram as áreas de saneamento básico; de abastecimento d’água; de estradas vicinais e de muitas outras atividades desenvolvidas pela Companhia, nas áreas banhadas pelas bacias do Parnaíba, do Itapecuru, do Pindaré e do Mearim”.

O parlamentar chamou atenção, ainda, para o “caso específico da participação das cidades no evento, porque elas estavam com seus prefeitos e técnicos, mostrando o interesse que tenham em viabilizar cada vez mais recursos administrados pela Codevasf”.

Atualmente, nove estados são beneficiados com ações de investimento da Codevasf. No Maranhão, o órgão, ligado ao Ministério da Integração Nacional, atua em três importantes bacias hidrográficas (Itapecuru, Mearim e Parnaíba), promovendo geração de emprego e renda, além da preservação dos recursos naturais e melhoria da qualidade de vida dos habitantes dessas regiões.

César Pires destaca investimentos da Codevasf no Maranhão
Política

Foi discutido a importância da destinação de emendas parlamentares para o financiamento das ações do órgão

A destinação de emendas parlamentares e ações de investimento da Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf) estiveram em pauta no seminário promovido pela 8º Superintendência Regional do Maranhão, nesta segunda-feira 13, no Auditório Neiva Moreira, na Assembleia Legislativa. O deputado César Pires (PEN) representou o Legislativo no evento, que reuniu prefeitos de diversos municípios maranhenses, autoridades, deputados federais e o senador Roberto Rocha (PSB).

“A Codevasf vai criar novas expectativas e apresentar os caminhos para que os municípios possam obter investimentos por meio das emendas alocadas pelos deputados federais e senadores, criando meios para o desenvolvimento do interior do Maranhão”, destacou o deputado do PEN.

Atualmente, nove estados são beneficiados com ações de investimento da Codevasf. No Maranhão, o órgão, ligado ao Ministério da Integração Nacional, atua em três importantes bacias hidrográficas (Itapecuru, Mearim e Parnaíba), promovendo geração de emprego e renda, além da preservação dos recursos naturais e melhoria da qualidade de vida dos habitantes dessas regiões.

Na programação do seminário, temas como Sistema de Convênios (Siconv), prestação de contas e licitação foram apresentados e esclarecidos aos gestores municipais. Segundo a presidente da Codevasf, Kênia Marcelino, o objetivo é possibilitar aos prefeitos maior entendimento sobre os programas e investimentos disponíveis para o estado.

“Nós estamos apresentando possibilidades de ações que podem ser desenvolvidas no estado e, sobretudo, com o apoio do Congresso Nacional, por meio dos parlamentares aqui do Maranhão. Queremos possibilitar o entendimento maior desses prefeitos e como podem acessar esses programas públicos que estão disponíveis hoje”, afirmou.

Jones Braga, superintendente regional da Codevasf no Maranhão, destacou que muitos gestores têm dificuldades quanto à operacionalidade do Sistema de Convênios. “Muitos prefeitos têm dificuldade com a operacionalidade do Siconv. Então, todas essas práticas serão explanadas para que o prefeito tenha mais facilidade e mais celeridade nas ações da Codevasf no Maranhão”, disse.

Cleomar Tema, presidente da Federação dos Municípios do Estado do Maranhão (Famem) e prefeito de Tuntum, também ressaltou a importância dos esclarecimentos para que os prefeitos busquem investimentos para os seus municípios. “É importante aproximar a Codevasf dos municípios em que ela atua. Vários municípios já recebem esses investimentos, sobretudo na construção de estradas vicinais, para dar trafegabilidade a esses cidadãos que moram no campo”, enfatizou.

Outro assunto discutido foi a importância da destinação de emendas parlamentares para o financiamento das ações da Codevasf. Em 2016, os recursos do Orçamento Geral da União destinados por emendas parlamentares, para garantir as ações executadas em regiões do Maranhão castigadas pelas estiagens, somaram mais de R$ 42 milhões.